Páginas

Olha só as aventuras do são joão chegando... Vamos começar pela quarta -feira(24/06) Pense num agonia pra achar carro... pois então eu e as meninas nos vimos LOUQUINHAS atrás do transporte que nos levaria pra berimbau( conceição do jacuípe) para curtir aviões do forró... Aviões é aviões né pai? Todo mundo juntou dinheiro pra não perder essa de jeito nenhum. Na véspera eu liguei pra confirmar a viagem e negociar o preço por que quem tinha ligado antes tinha sido duas primas minhas que tem cara de pau pra umas coisas, mas pra essas... de jeito nenhum! Sobrou pra quem? Pra mim é claro que tem q ser a cara de pau 1001 utilidades. Liguei, negociei e segundo ele a lábia foi tão boa que ele trazia a gt até de graça se a mulher dele quisesse ir. Aí então estava uma beleza... Mas eu que num sou menina, falei logo com um irmão mercenário que eu tenho, aí ele cobrou um preço mais razoável e eu deixei ele alerta se não desse certo com o outro. Aí chegou no outro dia que eu fui ligar para confirmar a viagem o telefone do fdp só dava desligado.. Aí eu pensei comigo : " escuta a porra viu?".. Mas não tava muito retada porque tinha o meu irmão _aquele o mercenário- Tudo bem. Liguei pro meu irmão que já quis dá logo uma explorada, aumentou logo o valor.. Aí eu disse: " Oxe tah doido? Esqueceu que a gt é estudante é? Tô quebrada amigo, vai ser o que você me disse ontem porque eu já falei com todo mundo." Ele bateu o telefone na minha cara, mas como eu conheço a peça eu sabia que ele ia levar.. é ignorante assim por gosto mesmo, só pode! Mulher sabe como é né? Eu e as meninas passamos o dia inteiro com os preparativos... cabelo, unha, e outras coisitas ...Quando tava todo mundo arrumada eu liguei pro mercenário e então ele veio nos buscar. Aff ele colocou um cd só de pirraça... num tem como! Lógico que eu reclamei logo né? E ele como bom irmão implicante que é aumentou o som.. Aff mas nem ele conseguiu ficar ouvindo aquela merda( com o perdão da palavra) e trocou para felicidade geral dos passageiros, ou melhor, passageiras. ^.^ Chegando lá a gente foi logo tirando foto, e aquela agonia, parecendo que já tava todo mundo na manguaça sem ter tomado um gole de licor.. hahaha No meio do caminho entre a praça de entrada e a praça que teria o show tinha uns carros com a traseira levantada com o som altissimo tocando um pagodão.. aí a gente já começou dançando do meio do caminho mesmo.. Bora ensaiar.. hahaha Chegando lá demos aquela passeadinha báásica pra checar quem já estava na área, daí escolhemos um lugar, compramos um licor e começamos a degustar e dançar... estávamos em quatro o que facilita muito nessas horas...(^^) Quando pensa que não passa um amigo meu com um grupo de amigos. Falei com ele rapidamente e ele foi embora. As meninas só faltaram me matar porque eu esqueci de apresentar! ( a esqueci de falar que eu só tenho amiga doida de pedra) . Quando o cidadão passou de novo se eu não chamo eu voltava de ambulância para casa! hahaha. Chamei o dito cujo, apresentei, solicitei que apresentasse a turma.. Depois num precisou de mais nada, começou a resenha( tradução para os não baianos:bate papo divertido) Uma toda desbocada arrumou outro doido desbocado aí vixe maria! Saía cada coisa da conversa dessas criaturas que a gente ria pra não se escandalizar! hahaha ( PS: ela tem a boca suja mas é boa gente). A outra quando eu fui olhar pro lado pra falar alguma coisa já tava pegando o menino, outra numa defesa ferrenha do licor, outra com a cara enfezada Deus lá sabe por quê ( segundo ela foi a dor de cabeça..a de sempre.. "aquela".. hahah) e eu dançando.. daqui a pouco pára todo mundo de dançar e começa o converseiro... Eu ri tanto, mas tanto ..a turma era muito divertida. Aí os meninos começaram um festival da pior cantada que foi simplemente hilário! Rendeu muitas risadas.. Oxe daqui a pouco, eu comecei a passar mal ( não foi o alcool , deixa eu esclarecer logo isso , por que lá todo mundo perguntava se eu tava daquele jeito por causa da cachaça.. logo eu!?) Também olha só a matemática: pressão naturalmente baixa+ fome+licor de maracujá doce+ bala = GAME OVER pra mim né? Mas aí como eu já conheço a peça eu fui logo comer alguma coisa pra ver se a pressão subia. Deu certo! Fiquei inteiraça e boa toda pra próxima banda. Nisso já tava tocando aviões... e eu lá aguniada pra passar logo o mal estar né a festa comendo no centro e eu lá sentada.. ninguém merece!? Quando pensa que não... começa a galega a passar mal, a da dor de cabeça lembra? Então. Aí ela, lógico que mais dramática, começou a se queixar.. E eu falando mulé ( Isso já 4:00 da matina) vai comer alguma coisa q isso é pressão baixa que nem eu, porque tu também veio sem comer e fez a mesma mistureba que eu fiz. Lá foi a galega comprar um churrasco.. roda, roda, roda e nada. Só achou um queijinho...Oxe o queijo só serviu pra ela colocar tudo pra fora... Aí lá vai a gente atrás de onde tava o posto médico para aferir a pressão dela. Chegando lá a criatura da enfermeira tinha saído para levar uma cidadã que tinha entrado em coma alcoolico-são joão tem dessas coisas né?-. Nisso a galega sentou lá e eu fui atrás do meu amigo ( porque a vó dele mora lá) para ver se tinha onde ela descançar um pouco. Começou a tocar estakazero.. Oxe, quem voltou pra lá?! A gente conversou ( as 3 que sobraram ) que a galega não poderia estar em lugar mais seguro que no posto médico e ficamos lá dançando estakazero. Daqui a pouco me vem a galega pedindo para ir embora... estakazero tinha começado a tocar... descontentamento geral da nação né? Começamos a discutir a situação: "e se ela passasse mal dentro do carro na volta? Era pior? " E aquela conversa vai ou não vai agora.. Isso a galega sentada lá no banco da praça pertinho só olhando.. Quando eu olho pra lá tah a galega vermelha, chorando.. ôo véi.. num teve jeito. Vamo embora! A essas horas já havia raiado o dia. Tinhamos marcado com o mercenário, que estava em outra cidade próxima, para ir buscar a gente, mas devido ao horário eu acreditava que ele já estava no décimo sono.. Começamos a contabilidade: " sobrou quanto aí?" e fazendo conta e perguntando quanto seria o ônibus para voltar para minha cidade a gente foi resolvendo o que fazer. - Dá pra ir pra casa? -Dá. -então bora! E a gente roda pra um lado, roda pro outro e nada de achar o bendito lugar de onde esse ônibus iria sair. Até que então a gente chegou onde tinha um grupo de pessoas que imediatamente quando viram a van parar e ouviram o cobrador dizer: Feira de Santana... invadiram a van de maneira assustadoramente rápida que lootou em segundos. A gente já estava apavorada, imagine depois do epísodio?! hahaha. Pelo menos sabíamos onde passaria o transporte pra voltar para casa. Mas que nada... a gente esperou alguns minutos e resolvemos ir a outro lugar. Fomos andando até o começo da outra praça, onde tinhamos descido, e nem bem chegamos um carinha parou o ônibus e anunciou: " Feira de Santana, bora, Feira de santana! Num deu outra era esse mesmo!Nesse foi mais calmo. Perguntei logo o valor que eu num sou menina... cabia no orçamento, entramos. dentro do ônibus rolando Aviões nas alturas o que não impediu que ninguém dormisse, ou melhor, tentasse. Mas eu mesmo só cochilava quando me certificava que alguém iria ficar de olho para não passar do ponto né? Chegamos. pegamos um ônibus e fomos pro transbordo. Ainda bem que o nosso não demorou né? Meu pé se podesse me dizer alguma coisa com certeza diria um desaforo uma coisa bem mal criada, por que eles estavam doloridos até a ultima célula! pegamos o ônibus e chegamos em casa as 8:30 da matina. Oxe eu que queria estudar quando acordei já era hora de dormir de novo! hahaha Mas tarde nos reunimos para aprontar as coisas pra o sábado e domingo no são pedro... Mas isso aí fica pra outra história. Amanhã eu te conto... Xerim Tatiana♥

0 comentários:

Postar um comentário

Um comentário diz muito sobre você.
Comente com inteligência.

(retribuo comentários bem feitos- afinal,se vc escreve bem aqui, escreve bem lá. ;)

Pesquisar este blog